Associação Mata Ciliar ameaçada novamente



A Associação Mata Ciliar de Jundiaí informa que deverá encerrar suas atividades depois de 35 anos, sendo 27 em Jundiaí e, culpa a gestão do governador João Doria pela decisão de não conceder licenças ambientais.


A área utilizada pela entidade vem sendo questionada na Justiça pela empresa Voa SP, que deseja ampliar as instalações do Aeroporto local.


Nota da Associação Mata Ciliar


Após prometer publicamente, há mais de um ano, regularizar a área do Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras) da Associação Mata Ciliar de Jundiaí, o Governo Doria, através de sua Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente, indeferiu as autorizações de instalação (AI) e de uso e manejo (AM) da fauna silvestre, o que na prática significa o fechamento da Associação Mata Ciliar. Após 35 anos de luta pelos animais, dos quais 27 anos em Jundiaí, cerca de 40.000 animais foram recebidos sendo que no último ano foram 7.106 animais de 83 municípios do Estado de São Paulo. No entanto, mais uma vez, parece que os interesses econômicos se sobrepõem a proteção da vida animal ou a qualquer outra questão ambiental.


Vale lembrar que há cerca de 2 anos, essa mesma área estava para ser leiloada pelo governo do Estado que, após forte pressão popular, acabou retrocedendo da proposta, “ao menos temporariamente”.


É de conhecimento que em 2021 a VOA-SP entrou com uma ação de despejo contra a Associação Mata Ciliar, nos dando 48 horas para retirar mais de 130 animais de uma área de 30.000 m². Essa ação ainda está aguardando julgamento no Tribunal de Justiça.

Coincidentemente, acelerando às pressões, o Governo Doria, apesar de todas as promessas e conversas ao longo desse tempo, decidiu simplesmente “varrer para o lixo” a Associação Mata Ciliar e sua história de prestação de serviços ao próprio Estado.


Parabéns Governador !





Prefeitura de Jundiaí busca solução junto ao Governo do Estado em relação à Associação Mata Ciliar


A Prefeitura de Jundiaí informa que as autorizações para manejo da fauna silvestre são dadas pela Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado de São Paulo, não passando pela administração municipal.


A Prefeitura já está em contato com a administração da Mata Ciliar para compreender, através de documentação, quais são os impedimentos para obtenção da referida autorização junto ao Governo do Estado.


A Prefeitura de Jundiaí reitera a importância do trabalho da Associação Mata Ciliar para o acolhimento e cuidado de animais da fauna silvestre para o Estado e para todo o Brasil e sempre tem buscado dialogar, junto à associação e outros órgãos, para tentar solucionar possíveis intercorrências e para que esse trabalho tenha continuidade.

45 visualizações0 comentário