Força voluntária da Eco & Vida atende comunidade da região



O ditado “fazer o bem sem olhar a quem” faz bastante sentido na Ação Corrente do Bem da Associação Eco & Vida


Mesmo com o preço do combustível nas alturas, com o transporte cada vez mais caro, a motivação de ajudar as pessoas ainda é maior.


Nenhum desses empecilhos impediu com que a ativista Aline Nunes, também Coordenadora Social da Associação Eco & Vida colocasse em prática ações de acolhimento às famílias vulneráveis de Várzea Paulista, Campo Limpo Paulista e Jundiaí


"Quando começamos não sabíamos muito bem como fazer. Comprávamos nossas cestas e íamos pessoalmente, casa por casa, na comunidades. Eram famílias visivelmente necessitadas. Barracos de madeira, situação precária e sem ajuda do governo."

O Projeto atende mensalmente aproximadamente 500 pessoas com cestas básicas, remédios, roupas, material escolar, brinquedos e outras necessidades.


As famílias são visitadas por uma assistente social, voluntária, que após entrevista são cadastradas e passam a recebem doações por tempo determinado,

Como todos nós trabalhávamos, íamos UM SÁBADO POR MÊS e fazíamos tudo nesse dia. Chegamos a visitar 12 lares em uma manhã de sábado: entregamos as doações, CONVERSAMOS E ORIENTAMOS. Fomos testemunhas da progressão de cada família, mês a mês – comentou Aline.

Que outras pessoas também tenham iniciativas positivas assim como a da Aline, que sente prazer em ajudar o próximo.


Caso queira incentivar o trabalho do projeto, o contato é : (11) 9.5769-3728







18 visualizações0 comentário