Jundiaiense constrói brinquedos utilizando papelão

Atualizado: 22 de mar.


Nivaldo Maciel ( Peru) | Foto: Dircélio Timóteo


Fazer arte não é para qualquer pessoa. A situação ainda ganha um bônus quando a arte é feita em forma de brincadeira. É assim que o jundiaiense Nivaldo Maciel, também conhecido como ‘Peru’, de 59 anos, residente no bairro do Jardim Santa Gertrudes, define todas as peças que faz. Ele utiliza papelão como matéria-prima e já construiu helicóptero, caminhões de lixo e de colheita, trem, trator, ônibus e outros brinquedos que ele imaginar.


Além de fazer para ele mesmo se divertir, ‘Peru’ também faz para vender e, assim, empreender. Os valores dos brinquedos são bem baixos da média e são aplicados em matéria-prima.


Peru começou a construir alguns brinquedos de papelão durante o período de isolamento social “Tinha que ocupar o tempo”, diz ele.


Metalúrgico aposentado, ‘Peru’ tem conhecimento em medidas, muito utilizado na criação das peças, acessórios e componentes. Os brinquedos são feitos em escalas.






O artista recebe aproximadamente 10 encomendas por semana e cada item conta com um detalhe e desejos diferentes dos clientes.


Para encomendar ou saber mais sobre o trabalho do artista, basta entrar em contato através do número (11) 99575-4517.



8 visualizações0 comentário