top of page

Mulher processa ex e ganha indenização milionária por 27 anos de serviço doméstico


Ivana Moral, a mulher que processou o ex-marido e recebeu indenização milionária por duas décadas de serviço doméstico - Foto: Malaga Hoy


Vitória feminina! Uma mulher processou o ex-marido pelos 27 anos de serviço doméstico na casa deles e ganhou a ação na justiça! Ivana Moral, de 48 anos, recebeu uma indenização no valor de 200 mil euros, aproximadamente R$ 1,1 milhão.

A decisão foi definida pelo tribunal de Vélez-Málaga, município da Espanha. O ex-marido de Ivana foi condenado por duas décadas em que a mulher se dedicava exclusivamente a cuidar das filhas e de tarefas do lar e da academia ele, enquanto o homem esbanjava dinheiro.

A mulher afirmou que chegava a trabalhar mais de 10 horas por dia, abrindo mão de seus próprios sonhos. “Minhas habilidades eram sempre diminuídas.”


Marido só pensava em luxo

Ivana Moral argumentou que, enquanto ela se dedicava ao lar, o marido pensava apenas na aquisição de veículos de luxo e imóveis. “Foi uma luta contínua em que eu chorei e sofri muito, sempre me entreguei, mas fui perdendo a fé aos poucos”, afirmou.


No período em que estava casada, Ivana Moral tinha planos e sonhos, que não eram levados a sério pelo marido. “Eu queria ter meu próprio negócio, mas trabalhei para ele sem nunca receber, cheguei a me dedicar até 10 horas por dia”, disse ela, lembrando na rede de academias do ex-marido.


Enquanto o marido esbanjava com artigos de luxos, Ivana Moral afirma que faltavam materiais básicos para as filhas. “Vivia na miséria, de pés e mãos amarrados, mendigando algo”, afirmou. A mulher completou: “Eu me sentia ameaçada economicamente, sem valor, sempre dependendo da mesma pessoa”.


Apesar de tudo, Ivana disse não se arrepender de ter se dedicado às filhas, caso contrário as meninas passariam dificuldades, uma vez que o pai sempre foi ausente.


Depressão e violência psicológica

A mulher contou ainda que passou por repetidos episódios de violência psicológica e que tinha muita dificuldade em se desvencilhar do agora, ex-marido.


“Teve uma vez que ele me isolou em uma fazendo em Alhama de G

ranada. Sempre me manteve longe da minha família para que a situação pudesse continuar igual”, afirmou.


Foram esses e outros episódios que levaram Ivana a um quadro depressivo. “Eu não conseguia me desassociar, era como um cão-guia que estava sempre atrás dele.”


Tudo mudou!

Após todo esse pesadelo, Ivana teve uma notícia boa! (pegou a referência?). Ela será indenizada com uma quantia referente a aplicação do Salário Mínimo Interprofissional para cada ano desde 1996.


Além disso, o ex-marido de Ivana também foi condenado a pagar pensão para as filhas do casal. As filhas da mulher apoiaram a atitude da mãe em processar o pai.


Sobre o caso, a advogada de Ivana disse. “Ficou provado que esta mulher, mãe de duas filhas, e casada em regime de separação de bens, se dedicou essencialmente ao trabalho doméstico desde que casou, isto é, cuidando da casa e da família com tudo que isso implica.”


Agora, com a vitória no tribunal, Ivana comemorou. “Estou muito feliz, porque acho que a sentença foi bem merecida”, celebrou.


Ivana, a mulher que processou o ex e recebeu indenização milionária. Ela disse que sempre desprendeu tempo, energia e amor para a família. Foto: Supplied.



Com informações de Malaga Hoy.

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page